Arquivo | Maquiagem e Cinema RSS feed for this section

Make Up For Ever HD Microperfecting Primer

29 abr

Então quando você cruza com um produto que combina primer com a correção que você precisa, este se torna necessário. Como vocês sabem tenho rosáceas nas maçãs no rosto. Parece que estou sempre de blush e embora isso pareça algo sensacional não é; é uma irritação dos poros. E para disfarçar é preciso de uma base com uma cobertura média a forte e um primer pancada.

Quando descobri o Primer verde da Make Up For Ever corri para encontrá-lo e ver se ele era realmente tão milagroso quanto parece.

Ele é um líquido bem espesso e vem numa embalagem bem grande (maior que o Photo Finish, da Smashbox) com uma bomba que dosa super bem a quantidade de produto retirada. E com um pinguinho do tamanho de um milho (na falta de uma comparação melhor) você cobre todo o rosto. A tampa dele é um problema: ela não fecha direito, então você tem que ficar cheia de cuidados na hora de guardar, pois ele pode fazer uma caca muito grande.

A correção do verde é imediata e muito aparente. É um tom de verde bem escuro, quase um musgo claro, ao contrário dos corretivos verdes que eu já experimentei. O da Tracta, por exemplo, é um verde bem claro e tem um fundo um pouco azulado.

E ele, como primer, é muito leve. Você não se sente mal por parecer colocar um óleo ou um silicone no rosto. Isso porque ele não é a base de silicone, como a maioria dos primers. Também é bem sequinho. E deixa a pele bem macia e aveludada, tornando a aplicação da base muito mais tranquila.

Eu realmente amei esse produto. Depois, com a correção do primer mais a base, o resultado é incrível. A pele fica uma porcelana, com um acabamento incrível.

Ele custa U$32 na Sephora, o que é bem caro (eu acho, pelo menos). Mas pra mim, que tenho altas crises com minhas rosáceas, é perfeito.

A durabilidade dele, na verdade, nem é tããão boa. Acho que o Photo Finish e o Magix até podem ser melhores neste sentido. Ele não segura muito a oleosidade, mas o brilho segura de forma bastante digna. Mas aí você aciona o amigo Blot e tá tudo certo.

E é bom lembrar que ele é um produto produzido para efeitos de luz captados por câmeras HD. Então existem coisas sobre o produto que no dia-a-dia não aparentes, mas na frente da câmera são. O acabamento e a reflexão de luz que ele produz são realmente incríveis.  A pele fica muito viçosa e os poros são muito bem disfarçados graças a este primer. Neste sentido ele é muito superior a qualquer outro produto para High Definition que já usei.

Este Primer vem em 7 tons diferentes, cada um com um objetivo de correção ou realce diferente.

Anúncios

Cabelo Grisalho – Catharine Hill

28 abr

Na vida real ninguém quer mostrar seus cabelos brancos, o que qualificaria esse produto à categoria dos Absolutamente Aleatórios. Porém, na maquiagem artística esse é um grande achado. A Catharine Hill, até onde eu saiba, é a única marca brasileira que realmente investiu em produtos para maquiagem artística e maquiagem de efeito e um de seus brilhantes elementos é o Cabelo Graisalho.

O Cabelo Grisalho é uma pasta bastante líquida que pode ser aplicada sem crise no cabelo. Sai na lavagem tranquilamente. E a aplicação é bastante simples: penteie o cabelo, embeba um pouco do produto num algodão e aplique no cabelo. Depois passe um pente novamente. A aplicação deve ser continuada até a cor chegar na tonalidade e força desejada. Para a câmera ele tem que ser aplicado com bastante cuidado para não parecer muito fake ou não ficar fraquinho.

Ele não faz muita sujeira, não escorre e dura, sem a cor esmaecer, por umas 3, 4 horas. O cabelo fica um pouco duro, mas ainda tem movimento.

A Catharine Hill o vende por R$23,70 em dois tons: branco e cinza.

É um produto incrível, que dá ótimos resultados. E um vidrinho 60ml, o que rende uma vida.

Comprando no Ebay

11 set

Olha gente; eu não tenho muita experiência comprando no Ebay, mas acho que posso dar umas dicas pra vocês. Tem muita coisa suuuper barata lá e, em vários casos, vale a pena. As paletas da Coastal Scents, por exemplo, se tornam extorção quando você vê por quanto pode comprá-las no Ebay.

E é por aí aí que eu vou começar: paletas tipo da Coastal Scents. Tenho experiência com 2 vendedores: Jolieeeee e Celia Make-up, ambos de Hong Kong. Na Jolieeeee você encontra váárias paletas, bem diferentes e com preços ótimos. A paleta de 28 blushes, por exemplo, custa U$12. De presente, praticamente. Na Celia Make-up eu comprei uma paleta de 15 corretivos (que ainda não chegou, por sinal – e já demorou!) e o vendedor foi super atencioso e me deu um desconto de um blog brasileiro que eu nem sabia que existia. Lá tudo é vendido em libras e também sai muito barato.

Outros vendedores eu eu gosto são Fun House Theatrical Costumes que vende Kryolan, Ben Nye e algumas coisas de maquiagem artística da Graftobian e o Shrinkle que vende a linha neon maravilhosa da Kryolan.

Como vocês podem ver o que me chama mais atenção em vendedores do Ebay são paletas baratas e Kryolan.

Alguem conhece outro vendedor confiável do Ebay?!

Maquiagem para Cinema – Correção

6 ago

Eu acho que nunca falei diretamente sobre maquiagem para cinema aqui no blog. Existe uma diferença relativamente grande entre maquiagem para filmes e maquiagem social.

Na maquiagem para cinema, normalmente, queremos simular uma naturalidade (com numerosas exceções, claro). E para isso acontecer, primeiramente, é necessário um trabalho de correção. Isso não quer dizer “afinar nariz” ou “delinear os traços do rosto” e sim dar curvas e textura ao rosto, balanceando-o.

Num set de filmagem o ator é exposto a muita luz e isso pode chapar o rosto. Para consertar isso é que foi criada a técnica de luz e sombra na maquiagem.

Podemos ver, por exemplo, que na época do cinema mudo a quantidade de luz necessária para iluminar uma cena era tão grande que era preciso marcar bem os olhos, a boca e as bochechas dos atores.

Annex - Keaton, Buster (Go West)_02

Buster Keaton

Nos anos 30 esse tipo de maquiagem atingiu níveis extremos com a total reconstrução do rosto das estrelas. Podemos ver na foto abaixo que a sobrancelha foi redesenhada, assim como a boca, os olhos e cova da maçã do rosto.

Marlene Dietrich

Marlene Dietrich

A técnica é utilizada largamente até hoje, só que de forma muito mais sutil.É muito simples: ilumine o que quer ressantar e escureça o que quer reduzir. As possibilidades são infinitar, você pode realmente reconstruir o formato do rosto, do nariz, dos olhos, da boca,…

Produtos

Os materiais que podem ser usados para a correção são bases, sombras opacas, blushes opacos e produtos especificos para esse fim como iluminadores e bronzeadores. Como se busca um efeito optico, o ideal é usar produtos opacos ou mattes, ou seja, sem brilhos. O brilho chamará atenção para o desenho e não é isso que queremos.

icon

1- Graftobian / 2 – Coastal Scents / 3 – MAC / 4 – Studio Direct / 5 – NYX

Como vocês podem ver nenhuma marca brasileira tem esse tipo de produto (que eu saiba, claro…). Em geral os iluminadores e bronzeadores têm muito brilho. Se alguem souber de algum, por favor, me avise!

Técnica Básica

No rosto você vai usar um tom um pouco mais escuro que o da sua pele nas áreas marrons da figura abaixo. É importante espalhar ou esfumar bem o produto para não ficar marcado. Na parte rosada você iluminará (além do blush, no caso nas bochechas). O ideal é usar um pincel de blush ou de contorno (que é angulado). Mas nada impede que você use os dedos ou uma esponja.

No caso dos olhos, você ilumina a área abaixo da sobrancelha, preenche a pálpebra móvel com uma sombra marrom não muito escura e delineia (e depois esfuma bem) sombra marrom um pouco mais escura no côncavo. Você pode, também, passar um delineador bem fino ou um lápis (marrom ou preto…). Isso tudo é o básico. Com o tempo eu vou postando mais dicas de correção.

Pancake Colorido Erato

25 jun

A Erato é aquela típica marca que você só encontra no camelódromo ou na 25 de março. E foi numa dessas voltas que eu encontrei esses potinhos por uns R$4,00. A variedade de cores não é muito grande, só as básicas: azul, amarelo, vermelho, verde, preto e branco. A embalagem é beeem ruinzinha, mas dá pro gasto.

A pigmentação dele é muito forte. Você passa o dedo seco e ele já te suja toda. Mas com uma esponja úmida é que o milagre acontece: ele tem uma cobertura ótima, a cor pega fácil e quando seca não suja nada. Juro. Pode até deitar num travesseiro como rosto todo verde e ele não vai manchar a fronha.

E olha que pancake colorido é dificil de achar… São poucas marcas que produzem: Cores e Brilhos, Marcelo Beauty, Catharine Hill. E quando eles não são caros, são ruins; a cor não pega, mancha fácil.

Fiquei muito impressionada. A única coisa que eu achei ruim é o cheiro. Cheiro muito forte de maquiagem de vó, pó de arroz, sei lá.

No mais é uma ótima aquisição…

Mania de Graftobian

21 maio

Depois que Juliana Paes apareceu no programa da Ana Maria Braga usando a paleta de base Graftobian Hi-Def a mulherada correu feito louca atrás da tal base. E uma coisa que eu acho que passou despercebida é que essa base não foi desenvolvida para uso diário e nem mesmo para uma balada. É uma base artística para uso em audiovisuais de alta definição.

No cinema (assim como na televisão) de hoje há duas formas de captar imagens: em pelicula ou em digital. Na pelicula a imagem é formada através de uma reação química entre grãos de nitrato de prata (ou outro composto) e a luz. Ou seja, temos grãos que formam a imagem. Já no digital a imagem é formada por linhas. Antes do advento das cameras HD a resolução das cameras não passava de 500 linhas. Hoje temos cameras de 1000 linhas! A resolução das cameras dobrou!!! Logo, as bases “normais” não conseguem esconder tão bem poros e imperfeições e foi necessária uma nova tecnologia cosmética que conseguisse acompanhar tal evolução.

Não estou dizendo que ninguém deve usar as maravilhosas bases e corretivos da Graftobian. Só acho um grande desperdicio.

Ainda mais aqui no Brasil onde uma paleta custa R$150,00. Comprem uma Studio Fix da MAC!!!